Aprilia na MotoGP, azar ou incompetência?

A Aprilia está dando azar ou tudo isso é um atestado de incompetência? Pode ser um pouco dos dois, é verdade que foi criada muita expectativa em torno da protótipo de 2020, tanto que foi anunciada como um projeto que iria revolucionar, já que era um conceito totalmente diferente que era praticado até 2020. A pandemia do corona vírus e a permanência do gancho de Iannone também foram um empecilho, mas todas as equipes compartilharam do drama da pandemia. Será que em 2021 a Aprilia poderá finalmente dar os passos esperados? O ex-campeão do WSBK em 2003, Neil Hodgson, e comentarista da TV britânica da sua opinião a respeito da fabricante de Noale:

“Eles se desviaram do caminho certo, eles deixaram a direção certa em termos de desenvolvimento e como lidar com a situação. Quando ouço eles, parece que são irrealistas. Se você considerar que eles ainda têm vantagens, então é preciso presumir que serão capazes de dar grandes passos em 2021, mas o fato é que não tenho grandes esperanças de ver isso”.

Por mais uma temporada veremos Aleix Espargaró sendo a espinha dorsal da equipe italiana, Bradley Smit e Lorenzo Savador lutam pela segunda vaga da equipe. Neil fala a respeito dos pilotos: “Smith passou por momentos difíceis porque a Aprilia não é a moto para sentar, qualquer um vê isso. Eles não têm tido muito sucesso desde o seu regresso ao mundial”.

“Foi constrangedor ver a Aprilia oferecendo seu segundo assento”.

“Desde o retorno, o ano de maior sucesso foi 2015 ou 2016, quando Bradl e Bautista correram pela equipe, pouco progresso foi feito desde então. Naquela época os dois pilotos chegaram ao top10. Bradley Smith sabe dirigir mas é difícil avaliar porque a moto não é boa o suficiente para estar no top15. Aleix obtém resultados surpreendentes ao andar no limite, mas ele não consegue fazer isso por muito tempo porque o equipamento falta”.

A Aprilia não achou alguém para o seu segundo assento em 2021, Neil explica: “Foi constrangedor ver a Aprilia oferecendo seu segundo assento, parece que eles fizeram ofertas para algumas pessoas, muitas notícias falavam isso, havia muitos nomes diferentes circulando, muitos nomes que sequer foram mencionados em público, e todos recusaram…”.