CCrutchlow35: mereço uma moto fábrica.

No sábado, Le Mans temia pelo pior ao vê-lo sair em uma maca, mas CCrutchlow35 voltou para a pista, cerrou os dentes apesar da perplexidade dos médicos e ganhou um 8º lugar que permanecerá em sua memória. Com uma Honda RC213V muito semelhante às especificações da Honda oficial, o piloto britânico da equipe LCR Honda pode constantemente lutar pelo top5, caso mantenha uma regularidade.

ALTOS E BAIXOS – Um 4º lugar no Qatar, em Termas do Rio Hondo, soube gerir toda aquela situação sem precedentes e conquistou sua 3ª vitória na categoria rainha. Chegou em Austin (EUA) líder do campeonato mundial, mas faltando 12 voltas para a bandeirada, remedia uma queda enquanto lutava com JZarco05 e ADovizioso04 pela 4ª posição, ele perde a trajetória e cai na beira da pista, terminando em 19º fora da zona de pontuação. Em Jerez, mostrou ser rápido já nos treinos de sexta-feira, conquistou a pole position, mas um acidente enquanto estava na 4ª posição acabou com seus sonhos. Dois erros consecutivos que pesaram muito na classificação, CCrutchlow35 está em 8º com 46pts, pouco menos da metade dos pontos de MMarquez93, mas apenas 13pts do vice líder MViñales25. Um começo de temporada entre altos e baixos nos quais ele “culpa’, na sua opinião, um tratamento desigual da HRC, especialmente no que diz respeito ao braço oscilante de carbono que teria feito uma grande diferença no GP Jerez (Espanha).

DE LE MANS A MUGELLO – Em Le Mans, as condições físicas não estavam 100%. Após a queda no treino (Q2), o inglês reclamou de dores no quadril, havia traços de sangue nos pulmões e foi necessário acoplá-lo aos tanques de oxigênio. Mas nada para impedi-lo de retornar à pista no dia seguinte. Tudo em que estou pensando é que eu poderia estar no pódio sem esse acidente, pq na sexta-feira eu fui mais rápido que o DPetrucci09 e acabei atrás do MMarquez93, então estou decepcionado com o resultado. Normalmente a moto estabiliza qdo o acelerador é pressionado, mas desta vez não aconteceu“. O britânico, no entanto, afirma estar pronto para a próxima rodada. “Mugello é realmente difícil, é muito mais difícil do que Le Mans. Eu quero subir no pódio, mas muitos podem chegar lá“.

OFICIAL HONDA –  “Se você olhar para as estatísticas e os resultados, acho que mereço uma moto fábrica. Nos últimos 3 anos, terminei no Top10, então eu mereço isso“. JZarco05 parecia estar a um passo de substituir DPedrosa26, antes de se voltar para a KTM. Uma decisão certa, segundo CCrutchlow35, pq o físico do francês de pernas longas não parece ser feito para a RC213V: “Zarco não caberia na Honda. Com isso eu não quero minimizar seu nível, ele é um dos melhores pilotos. Eu dirigi para a Yamaha, Ducati e Honda e sei como elas funcionam. Ele disse que quer ter um estilo semelhante ao de JLorenzo99 para fazer a M1 funcionar e eu lhe dou a razão. Mas a Honda é muito exigente do ponto de vista físico. Yamaha e Honda são noite e dia. Um piloto Honda teria problemas com a Yamaha. O nosso ponto forte é a travagem, que é mil vezes melhor que a Yamaha, mas na fase de curva é melhor“. PS: CCrutchlow35 tem contrato com a HRC até final de 2019.