Danilo Petrucci: Quero ser como Stoner.

A Ducati só falará italiano na próxima temporada, com Danilo Petrucci na equipe de fábrica ao lado de Andrea Dovizioso. A confirmação oficial de que o italiano tomará o lugar de Jorge Lorenzo chegou esta manhã.

Pramac 2018
Petrucci.

Petrucci falou com sua costumeira ironia durante uma entrevista no programa  Tutti Convocati na Radio24 italiana : “quando me disseram ontem que o lançamento seria hoje, eu estava no ciclismo nas montanhas. Eu tenho que dizer que foi menos esforço para pedalar depois de ouvir as notícias”.

Danilo também revelou que “apertamos as mãos após a corrida de Mugello“, mas ele estava quase certo da mudança uma semana antes disso. Um sonho tornando-se realidade, mas também uma grande responsabilidade para o italiano.

Eu prometo que vou dar tudo o que tenho e ser um daqueles pilotos que os ducatistas sempre lembrarão como um deles, incorporando a paixão pela Ducati. Estou pensando em pilotos como Stoner, Capirossi, Bayliss, vou trabalhar para ser um deles.”

Sua aventura na Ducati começou há muito tempo:

“ Cheguei à Ducati no último degrau, como piloto de testes para as motos de produção, e pouco a pouco, passo a passo, acabei me tornando um dos pilotos de referência, é uma ótima história e tenho experimentado muitas coisas nesses 4 anos com Dall’Igna, Ciabatti e Domenicali, quero agradecer a eles antes de tudo como pessoas e não gestores”.

Ele ainda tem alguns meses antes de estar definitivamente na equipe de fábrica, mas quer pagar a confiança nas 13 corridas que restam na temporada.

Eu já tenho uma moto de fábrica e a Ducati sempre fez tudo para me permitir ser rápido. Mas muitas coisas vão mudar na equipe de fábrica, embora a equipe Pramac seja muito competitiva. Neste momento, gostaria de terminar a temporada lutando dentro dos cinco primeiros, antes de começar uma nova fase da minha carreira”.
_____________

Leia também: https://maniamoto.com/jorge-lorenzo-na-cova-do-leao-marc-marquez/