Dovi ataca a Ducati: “Aumentar potência é fácil; Só participo de projetos que façam sentido”.

Andrea Dovizioso continua procurando melhores resultados com a Ducati, lógico, dentro do que se espera mas o fato é que o italiano foi para as suas férias com um “caminhão” de atraso na tabela de pontos para Marc Márquez. Para Dovizioso, aumentar a potencia não é problema, mas há outros fatores que devem ser considerados na equação.

“Tecnicamente é muito fácil aumentar a potência da moto, mas para melhorá-la na curva é necessário uma série de fatores. Não existe receita perfeita, aumentar a potência é fácil!”, disse Dovizioso.

O contrato de Dovi expirará em 2020, nesse período o piloto italiano terá 34 anos, mas ele não está muito preocupado com uma possível aposentadoria: “Muitos pensam que irei pedir aposentadoria das pistas em 2020 quando meu contrato com a Ducati acabar. No momento não penso muito nisso, tudo vai depender dos resultados e dos avanços do projeto, o fato é simples, apenas participo de projetos que façam sentido. O mercado de pilotos abre em 2020 aí veremos o que acontece”.

_
Gostou da matéria? Interaja com os demais leitores nos comentários, de forma respeitosa! rs