Ducati vence na √Āustria com Iannone e quebra jejum com dobradinha

Ducati vence na √Āustria
Ducati vence na √Āustria

Passou quase 6 anos desde que Casey Stoner venceu na Austrália, em 2010. Desde então a Ducati tem passado tempos difíceis, mas volta finalmente a sorrir

Início disputado de corrida, com Iannone assumindo a liderança, pressionado desde logo por Jorge Lorenzo, Valentino Rossi e Andrea Dovizioso.




Na sexta¬†volta Dovizioso conseguia ultrapassar Lorenzo, passando para segundo. Rossi era quarto e M√°rquez quinto, v√≠amos uma das¬†corridas mais entusiasmantes do ano, com v√°rias mudan√ßas de posi√ß√Ķes entre os¬†top cinco.

Na próxima volta Dovizioso mantem o ritmo e passa a liderar a corrida…ampliando a vantagem na frente e conseguindo a volta mais rápida da corrida.

Héctor Barberá foi desclassificado, a Direção de Corrida entendeu que o espanhol desrespeitou as regras, Cal Crutchlow teve que passar pelos boxes como punição devido a uma queima de largada.

Na frente Dovizioso voltava a bater o recorde da pista, mas não conseguia fugir a Iannone, que o perseguia, determinado a conseguir a primeira vitória da carreira na classe rainha e a primeira para a Ducati desde Stoner em 2010, em Phillip Island.

O n√ļmero 29 da Ducati de f√°brica estava um gigante¬†e n√£o s√≥ continuava a manter a press√£o como o conseguia ultrapassar e assumir a lideran√ßa¬†da prova. Atr√°s deles, e a uma dist√Ęncia cada vez maior, estavam Lorenzo e Rossi. O italiano n√£o estava longe do espanhol, mas n√£o conseguia aproximar-se a ponto de brigar pela posi√ß√£o.

Na √ļltima volta¬†os homens da Ducati de f√°brica davam cartas, como se esperava, no tra√ßado austr√≠aco. O duelo estava quente at√© aquele momento a vitoria da fabrica italiana era certa a¬†uma d√ļvida que restava¬†era:¬†qual¬†dos Andreas era o her√≥i a devolver o sorriso esquecido da Ducati?

motogp_iannone -austria)

Iannone após a metade da corrida percebeu que os pneus estavam preservados e mudou o mapa da moto para maior agressividade e após isso foi recorde da pista após recorde da pista.

O fim da corrida com Iannone como um herói, seguido de Dovizioso. Lorenzo fecha o pódio, com Rossi e Márquez fechando o top cinco.

A escolha de pneus foi decisiva para vitoria de Iannone,¬†a Michelin sugeriu que a escolha seria arriscada, houve uma reuni√£o antes da corrida Gigi¬†Dall’Igna apostava que a Desmosedici n√£o consumiria os pneus, para Gigi, Dovi¬†tamb√©m¬†deveria ter optado pelos macios¬†mas a escolha dos pneus √© uma escolha do piloto Dovizioso preferiu acompanhar a escolha da maioria, Iannone aceitou a aposta e a escolha foi certeira.

Disse Iannone após a corrida

√Č um momento muito bonito, um momento m√°gico para mim mas tamb√©m para a Ducati que ap√≥s seis anos consegue conquistar uma vit√≥ria. √Č muito¬†dif√≠cil¬†explicar¬†a sensa√ß√£o, mas foi uma¬†corrida¬†incr√≠vel. Dovi¬†estava muito r√°pido e tinha uma frenagem forte, assim como Lorenzo no¬†in√≠cio¬†da corrida. Eu queria fazer a melhor corrida e n√£o abusar¬†muito da¬†moto, porque tinha pneus macios. Para mim, foi muito importante para gerenciar¬†os pneus e n√£o os usar a 100%. Tamb√©m consegui usar menos combust√≠vel por meia corrida. Depois mudei o mapa e dei um pouco mais. Acho que a estrat√©gia da equipe, no que toca √† caixa de velocidades, foi fant√°stica e estou muito feliz.

Veja Corrida Completa

Resultado da prova:

POS # RIDER NAME GAP
1
29
A. IANNONE
39:46.255
2
4
A. DOVIZIOSO
+0.938
3
99
J. LORENZO
+3.389
4
46
V. ROSSI
+3.815
5
93
M. MARQUEZ
+11.813
6
25
M. VI√ĎALES
+14.341
7
26
D. PEDROSA
+17.063
8
45
S. REDDING
+29.437
9
38
B. SMITH
+29.785
10
44
P. ESPARGARO
+37.094
11
9
D. PETRUCCI
+39.765
12
51
M. PIRRO
+39.766
13
76
L. BAZ
+44.284
14
53
T. RABAT
+45.004
15
35
C. CRUTCHLOW
+1:03.246
16
19
A. BAUTISTA
+1:12.448
17
68
Y. HERNANDEZ
+1:14.517
18
50
E. LAVERTY
+1:32.226
19
6
S. BRADL
+3:27.514
RT
41
A. ESPARGARO
35:27.366
DC
8
H. BARBERA
17:25.215

Moto2

zarco-austria

Zarco confirma¬†seu favoritismo e vence na √Āustria por uma boa margem de 3 segundos.

Franco Morbidelli, fez uma grande largada e assume a liderança no começo da prova, mas ainda a 10 voltas do fim Zarco assume a ponta deixando a briga pelo segundo lugar entre Luthi, Morbidelli e Rins.

Luthi consegue a segunda posi√ß√£o e troca com Morbidelli, enquanto que Rins e Schrotter batalham pelo primeiro lugar fora do p√≥dio. O fim da corrida estava a ficar cada vez mais perto e Zarco come√ßa a criar um¬†gap que j√° √≠a em 1.5 segundos, diferen√ßa essa que iria dobrar no √ļltima volta.

No fim, Johann Zarco √© o primeiro a cruzar a bandeira xadrez, seguido de Morbidelli e Alex Rins, enquanto que Luthi perde o p√≥dio nas √ļltimas 2 curvas.

Resultado da Corrida:

POS

#

RIDER NAME

GAP

1

5

J. ZARCO

37:34.180

2

21

F. MORBIDELLI

+3.058

3

40

A. RINS

+3.376

4

12

T. LUTHI

+3.467

5

23

M. SCHROTTER

+4.740

6

73

A. MARQUEZ

+9.416

7

30

T. NAKAGAMI

+10.178

8

7

L. BALDASSARRI

+11.951

9

49

A. PONS

+12.801

10

77

D. AEGERTER

+13.977

11

11

S. CORTESE

+18.046

12

52

D. KENT

+18.284

13

54

M. PASINI

+18.424

14

44

M. OLIVEIRA

+18.830

15

60

J. SIMON

+20.022

16

97

X. VIERGE

+28.885

17

10

L. MARINI

+28.970

18

32

I. VI√ĎALES

+29.032

19

87

R. GARDNER

+29.115

20

57

E. PONS

+29.424

21

55

H. SYAHRIN

+29.977

22

14

R. WILAIROT

+37.935

23

19

X. SIMEON

+43.276

24

2

J. RAFFIN

+44.206

25

70

R. MULHAUSER

+48.835

26

94

J. FOLGER

+1:12.148

RT

24

S. CORSI

18:58.578

RT

22

S. LOWES

14:17.403

Moto3

Mir-austria

Tudo parecia correr como rotineiramente acontece na Moto3 provas bastantes disputadas mas com Binder como o homem a ser batido.

Mas a cinco voltas do fim Brad Binder comete um erro e abre trajet√≥ria¬†numa das curvas do circuito passando de 1¬ļ para 5¬ļ, entretanto t√≠nhamos um pelot√£o diminuindo a diferen√ßa¬†para os cinco primeiros.

Todos¬†estavam a espera da √ļltima volta para fazerem os ataques finais,foi uma loucura com o piloto da Leopard Racing Joan Mir, que j√° havia surpreendido com a Pole,¬†vencendo¬†sobre o piloto da KTM Brad Binder e de Enea Bastianini.

Mas a grande polemica que envolvia o paddock da Moto3 foi a dispensa de Romano Fenati da equipe SKY VR46 por indisciplina.

Rossi confirmou que Fenati não vai estar com a moto em Brno e que não estará nos planos da equipa, Fenati sobe para Moto2, em 2017 para equipe Ajo.

Para n√≥s √© uma grande vergonha. N√£o estamos felizes. √Č como se¬†tiv√©ssemos¬†perdido uma batalha. Fenati √© um piloto com um grande talento¬†e quer√≠amos tentar apostar nele para o futuro, mas infelizmente tivemos que desistir.

afirma Valentino Rossi.

Resultados:

POS

#

RIDER NAME

GAP

1

36

J. MIR

37:23.325

2

41

B. BINDER

+0.279

3

33

E. BASTIANINI

+0.431

4

20

F. QUARTARARO

+0.439

5

65

P. OETTL

+0.600

6

88

J. MARTIN

+4.134

7

64

B. BENDSNEYDER

+4.161

8

4

F. DI GIANNANTONIO

+4.970

9

8

N. BULEGA

+4.972

10

11

L. LOI

+5.262

11

21

F. BAGNAIA

+5.415

12

58

J. GUEVARA

+5.871

13

55

A. LOCATELLI

+5.905

14

6

M. HERRERA

+12.775

15

76

H. ONO

+12.839

16

95

J. DANILO

+12.942

17

40

D. BINDER

+14.090

18

23

N. ANTONELLI

+14.406

19

84

J. KORNFEIL

+14.517

20

62

S. MANZI

+14.545

21

44

A. CANET

+14.663

22

12

A. ARENAS

+17.132

23

7

A. NORRODIN

+17.443

24

17

J. MCPHEE

+28.306

25

16

A. MIGNO

+28.405

26

42

M. RAMIREZ

+40.213

27

89

K. PAWI

+40.361

28

43

S. VALTULINI

+1:04.040

29

3

F. SPIRANELLI

+1:04.058

30

77

L. PETRARCA

+1:04.513

RT

9

J. NAVARRO

29:18.573

RT

19

G. RODRIGO

22:51.805

RT

53

M. BEZZECCHI

8:21.411

RT

24

T. SUZUKI

8:22.188

 

Fontes MotoGP, Motorcyclesports, Gpone