Márquez Vence em Misano e Volta a Liderar empatado em pontos com Dovi

Corrida com menos emoções do que de costume mas ainda assim uma boa corrida, foi assim o molhado GP de San Marino em Misano.

Largada espetacular de Lorenzo, que assume a ponta logo na primeira curva e passa abrir vantagens sobre os demais.

Lorenzo, Márquez e Dovizioso eram os três primeiros. Viñales e Petrucci fechavam o grupo dos cinco primeiros.

Uma quase queda de Márquez servia de aviso para acalmar o ritmo, numa altura em que Petrucci conseguia ultrapassar Viñales. O italiano estava com grande performance e uma volta depois deixava Dovi para trás, chegando a terceiro.

A 23 voltas do fim Petrucci já era segundo, atrás apenas de Lorenzo. Drama para o espanhol logo a seguir. O #99 sofreu uma queda quando liderava a corrida quando estava a 4 segundos de vantagem sobre o segundo, segundo Lorenzo perdeu a concentração quando tentava mudar o mapeamento da moto.

A chuva parava e o sol saia entre as nuvens, mas a pista ainda continuava encharcada. “Cai” Crutchlow também leva uma queda.

O top dez estava assim: Petrucci, Márquez, Dovizioso, Viñales, Miller, Pirro, Barberá, Zarco, A. Espargaró e Redding.

Baz, que estava no top dez e a fazer uma grande corrida, caia mas retomava a prova e logo mais a frente cai novamente novamente volta a prova.

A 14 voltas do fim, Petrucci tinha quatro décimas de vantagem sobre Márquez e cerca de nove décimas sobre o terceiro, Dovizioso.

Márquez sofria um novo aviso mas evitava a queda. Ainda assim Dovizioso percebia que o espanhol podia estar com problemas… Por usa vez, Crutchlow, que caíra, retomava a corrida e chegava aos pontos, ultrapassando Dani Pedrosa:

Iannone abandona a prova com dores musculares devido aperto do pulso do macacão, em um momento que a relação com a Suzuki esta bem abalada.

A cinco voltas do fim, Márquez estava no encalço de Petrucci com um ritmo bem melhor, podendo qualquer um dos dois subir ao mais alto lugar do pódio.

Márquez esperava pela última volta para ultrapassar Petrucci e a conseguir um triunfo magistral em Misano!

O espanhol acaba a corrida com os mesmos pontos de Dovizioso no mundial mas liderado pelo criterio de desempate de segundos lugares. O italiano da Ducati acabou a corrida em terceiro.

Com a Queda de Pedrosa e a ausência de Rossi o campeonato passa a ser disputado por Dovi, Márquez empatados e Viñales com 16 pontos de atraso.

Segue resultado da Prova

1 93 Marc MARQUEZ Repsol Honda Team Honda 50’41.565
2 9 Danilo PETRUCCI OCTO Pramac Racing Ducati 1.192
3 4 Andrea DOVIZIOSO Ducati Team Ducati 11.706
4 25 Maverick VIÑALES Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 16.559
5 51 Michele PIRRO Ducati Team Ducati 19.499
6 43 Jack MILLER EG 0,0 Marc VDS Honda 24.882
7 45 Scott REDDING OCTO Pramac Racing Ducati 33.872
8 42 Alex RINS Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 34.662
9 94 Jonas FOLGER Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 54.082
10 38 Bradley SMITH Red Bull KTM Factory Racing KTM 57.964
11 44 Pol ESPARGARO Red Bull KTM Factory Racing KTM +1’00.440
12 19 Alvaro BAUTISTA Pull&Bear Aspar Team Ducati +1’17.356
13 35 Cal CRUTCHLOW LCR Honda Honda +1’35.588
14 26 Dani PEDROSA Repsol Honda Team Honda +1’38.857
15 5 Johann ZARCO Monster Yamaha Tech 3 Yamaha +2’02.212
16 76 Loris BAZ Reale Avintia Racing Ducati 1 Lap
17 17 Karel ABRAHAM Pull&Bear Aspar Team Ducati 1 Lap
Empresario, pai e entusiasta do mundo das duas rodas, criou o blog Maniamoto em 2015 com a intenção te ter um espaço democrático e livre onde todos possam expor suas opiniões e trocar ideias sobre o assunto Motovelocidade.