WorldSBK – GP da Tailândia.

Circuito: Em março de 2015, a Tailândia tornou-se o mais recente país asiático a sediar o WorldSBK ™ no novo circuito internacional de Chang. O local foi inaugurado em 2014 e recebeu as classificações FIM Grade A e FIA ​​Grade 1 (certificações para receber as maiores competições de 2 ou 4 rodas). Das 8 corridas desde 2015, o norte-irlandês Jonathan Rea venceu 6, com Sykes e Davies as outras 2.

Tempos combinados apĂłs o FP1 e FP2:

ABaustista19 (Ducati): “É só sexta-feira, mas estou muito feliz pois confirmamos o nosso potencial em um circuito diferente da Austrália. Esta manhã comecei a compreender a pista e os marcadores de referência, que são um pouco diferentes em relação a da MotoGP, por isso precisava de algumas voltas para me adaptar. Então eu apenas trabalhei nas configurações da moto sem fazer grandes mudanças, apenas alguns ajustes para o set-up desta pista. À tarde, tentamos um tipo diferente de pneu traseiro para ver como era o novo composto. Houve pontos positivos e negativos, pelo que ainda temos de decidir qual usar amanhã. ”

CDavies07 (Ducati): ” Minha posição na tabela nĂŁo reflete o meu ritmo, a sensação Ă© na verdade melhor do que conseguimos mostrar hoje. A corrida Ă© longa e está muito quente, precisamos trabalhar arduamente e focarmos na duração do pneu, especialmente na parte final da corrida. Objetivo Ă© lutar pelo pĂłdio nas corridas de sábado e domingo’. ”

JRea01 (Kawasaki): “Começamos bem. Passo a passo melhoramos a moto. Buriram é um circuito que casa bem com nossa moto, mas falta definir qual pneu iremos usar, melhorar em alguns pontos da pista além da minha frenagem. Encontramos pontos positivos em tudo o que testamos, me senti muito bem. Agora é concentrar nos pequenos ajustes, estamos no caminho certo. ”

LHaslam91(Kawasaki): ” Eu rodei aqui há quatro anos mas demorei algum tempo a decorar a pista de novo, onde estĂŁo as ondulações, onde há mais tração, mas fizemos um bom ritmo. O asfalto Ă© muito diferente, ainda estou Ă  procura dos melhores pontos de referĂŞncia de travagem, o que está a demorar um pouco. Estamos a ganhar tempo em cada volta e sinto-me cada vez melhor. ”

ALowes22 (Yamaha): ” Fiquei muito feliz com o dia de hoje, fiz muitas voltas num ritmo muito consistente mas ainda precisamos de encontrar mais algumas pequenas melhorias, especialmente do meio da curva Ă  saĂ­da, aonde sinto que estou a perder tempo. É nisso que nos iremos focar e espero que amanhĂŁ vejamos algumas melhorias nesta área.

Van Der Mark60 (Yamaha): ” Fiz bons tempos, poucas alterações na moto e conseguimos um bom 3Âş lugar no FP1. Precisamos trabalhar na dianteira da moto, estou sem feeling. ”

SCortese11 (Yamaha): ” Foi um dia muito positivo. Estou feliz por acabar em terceiro hoje, mas tambĂ©m sou realista e mantenho os pĂ©s no chĂŁo porque a corrida Ă© amanhĂŁ. Precisamos continuar a trabalhar. ”

MMelandri33 (Yamaha): ” Dia foi terrĂ­vel. Estou com os mesmos problemas de qdo rodava com a Ducati aqui. NĂŁo consigo tracionar, a entrada da curva tbĂ©m está complicada. Depois de um bom final de semana na Austrália, hj foi um desastre. ”

Horários (Brasília) treinos e corrida:                                                                      Sábado:

  • 01:00 – 01:20 – WorldSBK – FP3
  • 01:35 – 01:55 – WorldSSP – FP3
  • 03:00 – 03:25 – WorldSBK – Super Pole
  • 03:40 – 04:05 – WorldSSP – Super Pole
  • 06:00 – World_SBK – Race 1

Domingo:

  • 00:00 – 00:15 – WorldSBK – WUP
  • 00:25 – 00:40 – WorldSSP – WUP
  • 03:00 – WorldSBK – Super Pole
  • 04:15 – WorldSSP – Race
  • 06:00 – WorldSBK – Race 2

Infelizmente a ESPN nĂŁo renovou os direitos de transmissĂŁo para esse ano, entĂŁo o jeito Ă© tentar algum streaming pela internet.